Sexta-feira, 14 de Outubro de 2005

Aprendemos com o tempo....

Um dia nós aprendemos que amar vale a pena, ainda que após vários cortes feitos no coração, várias feridas na alma.
Aprendemos que apesar da distância, é possível manter a amizade, o amor, a solidariedade...
Que nem sempre grandes gestos são as traduções perfeitas do amor que une as pessoas. Aprendemos que depois de um tempo, pais deixam de ser super heróis e passam a ser o vilão da história e que nesta hora o mais importante é saber perdoa-los, ama-los, entendermos as suas razões.
Com o tempo, a gente se acomoda com a vista da janela e quando resolve se levantar, o sol já se pôs e lua começa a apontar.
Que mudanças são necessárias, dores, sofrimentos igualmente.
Que o perdão é o grande propulsor da vida, muitas vezes é melhor sofrer calado, aceitar, temporariamente uma situação, e ter a sensibilidade para enxergar as coisas que a vida nos revela, até chegar o dia em que toda a dor deve ser revelada, desmascarada, posta em pratos limpos para que nós possamos seguir o nosso caminho novamente livres destas amarras que nos impedem de olhar e caminhar para frente.
Aprendemos que apesar da excitação, da relutância, é necessário largar algumas bagagens pelo caminho para que no dia de amanhã possamos adquirir outras mais leves. Que só o tempo tem o poder de transformar passado em presente, o presente em futuro e o futuro em passado.
Aprendemos que o TEMPO é o Senhor das respostas não dadas num dado momento, é o remédio para aquelas dores que julgamos ser intermináveis ou eternas. Que quando achamos que já chegamos ao fundo do poço, somos tomados por uma força sem precedentes e jogados de volta a terra firme. Renovados, repaginados e mais forte como nunca.
O tempo ensina a importância e a necessidade de um sorriso sincero, de um amigo, de um amor; de um abraço apertado, do silêncio...
Aprendemos que não há alternativa para novas oportunidades senão o “Sim” ou o “Não”. Tudo depende de nossa coragem.
Sabemos que as crianças são seres dotados de pureza e conhecimento que transcende a alma dos adultos, revelando-nos suas sensações, seus traumas, seus sentimentos mais íntimos, portanto, nunca se deve mentir a uma criança.
Aprendemos que conversar com velhos equivale a milhares de leituras de livros de auto ajuda e que cada ruga ali visível, tem uma história para contar, portanto, para que elimina-las?
Com o tempo aprendemos que ser feliz requer o auto conhecimento, a presença de amigos, de um amor, de uma paixão, de um trabalho. Que a ociosidade atrofia o cérebro, reduz a capacidade de percepção do mundo que corre ao nosso redor, empobrece o espírito.
Aprendemos que valores primitivos não se perdem no tempo e são sempre bem vindos. Que um coração vazio, sem amor, sem paixão nos torna frios, insensíveis, egoístas e que sempre vale a pena recomeçar, virar a página e reescrever a nossa trajectória…
Tempo, ah o tempo... tão complexo, tão efémero.. tempo.
publicado por Princesa às 15:59
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. "OS" de Natal!

. Maria Amélia na Nilton tv...

. Carinho...

. Roteiro da Vida

. A nossa vida...

. TPM virtual

. FELIZ NATAL e um FELIZ AN...

. Finalmente as minhas féri...

. Para pensar

. Ofereço uma rosa

. Um conselho aos jovens

. Um Dia... pode morrer

. Já és livre António... de...

. Uma fábula....

. DE MIM PARA MIM MESMO

.arquivos

. Dezembro 2008

. Maio 2008

. Novembro 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Outubro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2003

.favoritos

. .: Out ... :.

.tags

. todas as tags

.favoritos

. .: Out ... :.

blogs SAPO

.subscrever feeds